PROJETO ARQUITETÔNICO 

O Projeto Arquitetônico é o nome dado ao conjunto de desenhos que visam representar, de forma padronizada, a arquitetura de construções, buscando assim uma leitura, interpretação e execução mais claras daquilo que é proposto pelo projeto.

Projetar a construção com o máximo conforto é o fundamento base do projeto arquitetônico. Nele, analisa-se a ventilação, a iluminação, a utilização do espaço conforme a necessidade do cliente e a estética e harmonia com o ambiente.

Para a apresentação de projetos arquitetônicos os seguintes desenhos são exigidos por norma:

  • Planta baixa

  • Diagrama de Cobertura

  • Cortes

  • Fachadas

  • Planta de Locação

  • Planta de Situação

Planta Baixa

A Planta Baixa é a representação dos pavimentos da edificação, tendo como característica uma vista superior de um corte horizontal do projeto, utilizando linhas, que são os principais elementos gráficos do desenho arquitetônico, para representarem o formato, dimensões e posicionamento das paredes, portas, janelas, pilares, vigas, escadas, etc. Além disso informam as características e dimensões de cada elemento projetado.

Cortes

Os cortes, em um Projeto Arquitetônico, são representações gráficas constituídas por vistas internas, obtidas quando passam-se por uma edificação, planos, normalmente paralelos a um determinado conjunto de paredes, em posicionamento estrategicamente definidos.

Planta de Locação e Situação

A Planta de Locação, também chamada de Planta de Implantação, é uma vista principal superior, abrangendo o terreno e seu interior, que tem a finalidade de identificar o formato, as dimensões e a localização da construção dentro do terreno para o qual foi projetada.
A Planta de Locação deve conter:

  • Contorno do terreno;

  • Contorno da edificação;

  • Elementos externos (calçadas, muros, pavimentações, etc.);

  • Desenho da construção já existente (contorno);

  • Árvores de grande e médio porte;

  • Postes;

  • Cotas totais do terreno;

  • Cotas parciais e totais da edificação;

  • Cotas angulares da construção (para ângulos diferentes de 90°);

  • Cotas de posicionamento da construção;

  • Cotas das calçadas;

  • Indicação do Norte;

  • Escala: 1:200.

A Planta de Situação é a representação de um desenho projetivo constituído por uma vista principal superior, envolvendo o terreno (lote) onde a edificação será construída e o entorno desse terreno, com a finalidade de mostrar o formato, as dimensões e a localização do lote.

A Planta de Situação deve conter:

  • Contorno do terreno;

  • Hachura no terreno;

  • Contorno do quarteirão no qual o terreno está inserido;

  • Identificação do terreno (número cadastral e/ou número do lote);

  • Indicação de Norte;

  • Escala: 1:500.

Fachadas

As fachadas ou elevações são elementos constituídos por vistas  principais (frontal, posterior, lateral esquerda e lateral direita) ou eventualmente auxiliares da edificação, feitos com a finalidade de fornecer informações para a execução da obra e sua visualização externa.

Siga-nos!

  • Branca Ícone LinkedIn
  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon