Buscar
  • Ideal Consultoria Júnior

ASPECTOS CONSTRUTIVOS IMPORTANTES AO SE PROJETAR UM BANHEIRO



O banheiro é um dos ambientes mais importantes da casa, pois é o cômodo no qual possuímos mais privacidade. Atualmente, o banheiro assume um papel diferenciado: além de ser um local funcional, é também um espaço de descanso e relaxamento. Pensar sua posição na planta e detalhes funcionais, como iluminação e ventilação, evita complicações futuras e traz conforto e qualidade de vida.


Para que o banheiro assuma seu papel, ele necessita de dimensões mínimas para que seus aparelhos sejam bem utilizados, como sua área, círculo inscrito com diâmetro mínimo de 1 metro e área mínima de 1,50 m², e seu pé-direito de 2,20 a 3,30 m.


Além disso, a posição do banheiro ou lavabo é essencial para os moradores ou visitantes da residência, pois traz agilidade e praticidade na hora do seu uso. Possuir um lavabo próximo à sala de jantar/estar é o ideal. Assim, quem chega na residência pode lavar as mãos e durante uma conversa ou refeição acessar facilmente o lavabo, evitando que visitas, que estão na área social da casa, tenham de entrar na área íntima para isso.


Já o quarto deve acessar facilmente o banheiro. Quando o objetivo é ter privacidade, o ideal é que o acesso seja realizado apenas pelo quarto (suíte). Caso não seja uma suíte, uma alternativa é transformar o lavado em banheiro social.



Além disso, devemos levar em conta a iluminação do cômodo, visto que é um dos aspectos mais importantes de um banheiro por estar diretamente ligada ao seu bom funcionamento. Deverá ser uma combinação de iluminação natural (a ser valorizada) e artificial.


A iluminação natural é econômica (sustentável) e influencia positivamente no estado emocional das pessoas. A janela deve ter uma boa área e normalmente seu peitoril está, no mínimo, a 1,50 m do piso. Para a iluminação artificial, lâmpadas fluorescentes podem ser usadas para a iluminação geral do banheiro. Caso utilize para algo mais específico, tenha uma iluminação diferenciada próxima da bancada, como lâmpadas incandescentes.


Outro importante fator é garantir que este espaço seja bem ventilado para manter o banheiro fresco, não acumular muito vapor e evitar a proliferação de mofo e outros microrganismos. A área mínima indicada de janela é de 1/8 da área total do ambiente (padrão retirado do anexo II do Código de Obras do Município de Ouro Branco).


A ventilação pode ser feita a partir de duto zenital (do teto) ou lateral, ou ainda através de ventilação forçada, realizada através de equipamentos que podem ser comprados em lojas de materiais de construção, como o exaustor.


Devem existir pontos de água para a pia e para o chuveiro, e caso seja utilizada ducha higiênica, pode-se optar por um ponto exclusivo para esta. Deverá haver saída de esgoto para a pia e ralo para o chuveiro, e dependendo, pode-se incluir um ralo para a lavagem do banheiro. Cada equipamento pode exigir medidas específicas de instalação, e por isso o manual do produto deve ser analisado.



Por último, mas não menos importante, devemos levar em conta aspectos elétricos. De acordo com o equipamento em questão, veja se a tomada deverá ser baixa (30 cm de altura), média (1,10 m de altura) ou alta (2,20 m de altura). Faça este planejamento antes de colocar os revestimentos das paredes para evitar ter de quebrar posteriormente. Em geral, precisará de duas tomadas: uma para o chuveiro e outra para a bancada, além, claro, dos pontos de luz para a iluminação geral do ambiente e outro ponto para a iluminação direcionada.


Por Júlia Santana

34 visualizações

Siga-nos!

  • Branca Ícone LinkedIn
  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon