Buscar
  • Ideal Consultoria Júnior

MEMORIAL DESCRITIVO: O QUE É, QUEM FAZ E O QUE É NECESSÁRIO TER?


Um memorial descritivo nada mais é do que um documento que detalha todas as execuções que vão ser necessárias na obra. Desde instalações e fundações, até os pisos e a mobília de toda a construção.


Essa declaração é obrigatória para a obra ser aprovada, e auxilia posteriormente caso surja algum comprador e queira consultá-lo. Além disso, o memorial ajuda na:

- Construção do cronograma e do orçamento final da obra. (Todos os materiais utilizados e etapas necessárias estão listados nele.)


MAS O QUE DEVE CONTER EM UM MEMORIAL DESCRITIVO?

Antes de tudo é preciso saber que todas as informações do documento devem seguir à risca a ABNT/NBR 15575, que traz todas as condições necessárias para que a obra seja feita com segurança.

As primeiras informações a serem colocadas são:

  • Os dados básicos do edifício;

  • A localização que ele se encontra;

  • O nome do proprietário;

  • Área total;

  • A equipe técnica que vai acompanhar/executar a obra.

As referências estruturais também devem ser listadas, como fundações, vigas, paredes, esquadrias, cobertura, revestimentos e impermeabilizações. Toda parte de detalhamento dos cômodos, por exemplo:


  • O material e o tipo de piso;

  • As pinturas das paredes;

  • O mobiliário;

  • Vidros que podem vir a ser utilizados;

  • Dimensões das portas e janelas e seus peitoris devem estar contidas no memorial.

Todas as etapas devem estar descritas, contendo todas as normas usadas para realizar os cálculos e o detalhamento de todos os materiais empregados na obra. Assim, vão estar explícitas todas as informações que não conseguem serem visualizadas ou deduzidas pelas plantas técnicas.


Vale ressaltar que não existe apenas um tipo de memorial descritivo. O objetivo da construção é que vai determinar o tipo de documento a ser feito.

Existem memoriais de:

  • Residenciais e comerciais; (Os mais comuns)

  • Execução de piscinas;

  • Para unificação ou desmembramento de um lote;

  • Demolição de um edifício.





QUEM FAZ ESSE MEMORIAL?


Bom, essa informação varia de obra para obra, já que de uma forma geral, o responsável pela construção é que deve fazê-lo. Isso inclui os engenheiros, técnicos ou arquitetos habilitados. Porém também é possível contratar uma empresa para redigir esse documento.

Para isso acontecer é preciso uma empresa que garanta a melhor qualidade e custo benefício, sendo assim, é só entrar em contato com a nossa equipe! A Ideal se qualifica a cada dia mais no memorial descritivo se tornando um projeto de excelência!



69 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo